Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento     Brasil: Um país de todos  

Esse é o conteúdo alternativo < /p>


 
SAC da Unidade
Mapa do Site
Página Inicial
Objetivo
Ferramentas
Estrutura
Etapas de Execução
Resultados Esperados
Comunicação
Equipe
Licitações
Publicações
Acesse Também
Notícias anteriores

Projeto Bom Manejo promove Reunião do Comitê Diretivo na sede da Cikel

Durante dois dias, empresas Nacionais e Internacionais participarão da quarta Reunião do comitê Diretivo promovido pelo Projeto Bom Manejo

Projetos e iniciativas que privilegiem a sustentabilidade econômica, social e ambiental estão sempre na mesa de reunião dos representantes de Estados em todo o mundo. E é com objetivo de amenizar os impactos ambientais e garantir a sustentabilidade, principalmente da floresta amazônica que, nos dias 19 e 20 de abril, na sede da Cikel Brasil Verde Madeiras Ltda, no município de Ananindeua/PA, acontecerá à quarta Reunião do Comitê Diretivo do Projeto Bom Manejo (PBM), desenvolvido em parceria pela Embrapa Amazônia Oriental, o Centro Internacional de Pesquisa Florestal (CIFOR), o Instituto Floresta Tropical (IFT), a Agência Brasileira de Cooperação (ABC) e as empresas Cikel e Juruá, com o financiamento da Organização Internacional de Madeiras Tropicais (OIMT – ITTO).

A reunião servirá para que se possa confirmar o sucesso no objetivo do empreendimento, supervisionar sua prática e fornecer avaliações do seu desempenho através dos resultados alcançados com as ferramentas silviculturais e gerenciais desenvolvidas. Durante a reunião, também será feito uma revisão dos insumos financeiros aplicados no projeto, entre outros assuntos.

O Projeto Bom Manejo, aprovado em 1999, estimula as empresas florestais de toda a Amazônia brasileira a adotar as boas práticas de manejo, através do uso sustentado dos recursos madeireiros em escala operacional, buscando promover e apoiar as bases científicas,facilitando o processo de transferência das boas práticas de manejo, considerando os aspectos ecológicos, sociais, econômicos e político-institucionais de cada local de atuação.

O projeto está chegando ao final da fase, chamada de “validação”, em que as ferramentas desenvolvidas foram testadas e aprovadas. A idéia principal dessa etapa foi alcançada, garantindo a sustentabilidade e a eficiência do modelo de manejo florestal, com benefícios e vantagens econômicas, ecológicas e sociais do SMF em relação às práticas convencionais.

Com a conclusão dessa etapa, uma próxima fase deverá iniciar, sendo chamada de “disseminação”, que terá como foco principal a divulgação das ferramentas do Bom Manejo em toda a Amazônia brasileira. A etapa da disseminação permitirá que o sistema de manejo criado seja adaptado a outras condições – ambientais, sociais e econômicas – da região amazônica.

O encontro que acontecerá na sede da Cikel, reunirá representantes de empresas Nacionais e Internacionais em torno de um só objetivo: Discutir a tão almejada sustentabilidade econômica, social e ambiental durante a prática da exploração madeireira.